Manipulador de Carnes – Iniciação

Para obtenção de cartão de Manipuladores de Carnes, emitido pela Federação Nacional de Associações de Comerciantes de Carnes (FNACC)

Duração: 15 horas

Área: Indústrias alimentares

Presencial

135 €

Condições especiais para empresas e ex‑formandos

Datas previstas:

06/06/2023

Ref.: CRN15

Ou ligue

261 856 919

Custo de chamada para a rede fixa nacional

935 108 235

Custo de chamada para a rede móvel nacional

Formação obrigatória para o exercício da profissão para trabalhadores que manipulem carnes e seus subprodutos, nomeadamente de talho e charcutaria, de acordo com a legislação em vigor.

O Decreto-Lei 147/2006 de 31 de julho, republicado pelo Decreto-Lei n.º 207/2008, estipula a obrigatoriedade da titularidade do Cartão de Manipulador de Carnes por parte de todos os profissionais do setor retalhista, da distribuição e transporte de carne e produtos seus derivados.

A formação e o respetivo cartão de Manipuladores de Carnes, emitido pela Federação Nacional de Associações de Comerciantes de Carnes (FNACC), são válidos por um período de 3 anos, devendo ser renovados após esse período, ficando a sua renovação dependente da apresentação dos comprovativos da realização de ações de formação de atualização de conhecimentos.

Público-alvo

Todos os interessados, manipuladores do setor da distribuição e comercialização de carnes ou derivados e dirigentes do setor que pretendam obter cartão de manipulador de carnes, obrigatório para o exercício da profissão.

Requisitos mínimos

Este curso não tem requisitos mínimos nem exige conhecimento prévio do tema.

Perfil de saída

Certificado de formação profissional (caso tenha aproveitamento) – certificados emitidos via Sistema de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa (SIGO), conforme Portaria 474/2010 de 8 de julho.

Objetivo geral

  • Possuir conhecimentos e competências na área de Higiene e Segurança Alimentar no setor das carnes;
  • Estar sensibilizados para os requisitos legais na área em questão;
  • Obter o Cartão de Manipuladores de Carnes, emitido pela Federação Nacional de Associações de Comerciantes de Carnes (FNACC).

Programa

  • Higiene das Carnes – 2h
    • Aquisição de conhecimentos sobre os perigos e medidas preventivas para o seu controlo.
  • Microbiologia da Higiene Alimentar – 2h
    • Conhecer as principais doenças de origem alimentar e a responsabilidade dos manipuladores na sua prevenção;
    • Conhecimento dos microrganismos que possam provocar alterações da carne e seus produtos e o seu controlo.
  • Higiene dos Manipuladores – 2h
    • Conhecimentos de higiene pessoal e a sua importância na manipulação das carnes e do estado de saúde, como sejam sintomas, lesões ou doenças que podem ter repercussão na segurança alimentar.
  • Higiene das Instalações, Equipamentos e Utensílios – 2h
    • Noções de higiene, limpeza e desinfeção dos locais, equipamentos, utensílios, expositores.
  • Acondicionamento/embalagem de carnes e seus produtos – 2h
    • Acondicionamento e embalagem de carnes, embalagem do dia, pré-embalados, rotulagem, lote e prazo de validade, rastreabilidade.
  • Condições Higiénicas a observarem na venda e distribuição de carnes e seus produtos – 2h
    • Conhecer as práticas corretas de higiene durante a receção, armazenamento, preparação, transformação, exposição e transporte das carnes e seus produtos. Marcas de identificação e de salubridade.
    • Exigências da temperatura de carnes refrigeradas, congeladas e ultracongeladas.
    • Encaminhamento e eliminação de resíduos/ subprodutos.
  • Segurança Alimentar/HACCP no setor das carnes e seus produtos – 2h
    • Responsabilidade do operador e autocontrolo no estabelecimento: HACCP, Guia de Boas Práticas de Higiene e Plano de Pré-requisitos. Controlo de pragas, Rastreabilidade, Registo de temperaturas, Fichas de Controlo.
  • Higiene e Segurança no Trabalho – Legislação – 1h
    • Legislação: Licenciamento de estabelecimentos retalhistas.
    • Decreto-Lei n.º 259/2007, de 17 de Julho; Decreto-Lei 370/1999, de 18 de Setembro. Regulamento (CE) n.º 852/2004, de 12 de Junho. Decreto-Lei n.º 113/2006, de 12 de Junho. Decreto-Lei n.º 147/2006, de 31 de Julho. Decreto-Lei n.º 207/2008 de 23 de Outubro. Decreto-Lei n.º 323-F/2000, de 20 de Dezembro.

Avaliação.

Modalidade de formação

Formação profissional não inserida no Catálogo Nacional de Qualificações.